Pular para o conteúdo
O que é a regra do 80/20 e como você pode aplicar no seu blog e redes sociais?

Como escrever um texto que rankeia para o seu blog?

Marcações:

Eu já falei diversas vezes que escritores precisam produzir conteúdo para seus sites e blogs. E a pergunta que eu nunca respondi é como fazer isso.

Como você pode escrever um texto que rankeia no Google e que vai colocar seu site nas buscas? Em primeiro lugar, é importante ressaltar que uma andorinha solitária não faz verão.

Ou seja, você nunca vai conseguir aparecer nos resultados dos principais buscadores sem uma estratégia de conteúdo para seu marketing literário.

Não adianta postar um texto no seu blog a cada lua nova e não fazer mais nada no meio do caminho.

BANNER DE SERVIÇOS EDITORIAIS

Entendendo como funciona o SEO

Os buscadores trabalham com alguns fatores determinantes para colocar o seu site entre os mais buscados. O primeiro deles é o SEO (search engine optimization) externo, ou off-page.

Nele, os algoritmos analisam como o seu site se relaciona com outros sites e com a internet em si.

Existem outros portais apontando para o seu? Como é o tempo de carregamento do seu site? Como está a frequência de postagem do seu conteúdo?

São perguntas que podem parecer complexas, mas a verdade é que elas são simples.

Hoje o nosso assunto é o segundo dos fatores determinantes: o SEO on-page, ou interno. Nessa categoria estão todas as informações que você pode aplica no conteúdo e o texto em si.

O conteúdo que você está produzindo faz sentido com a busca que o usuário fez? Ele é relevante? Ele está otimizado para a leitura ou o usuário perde o interesse facilmente?

Existem outros aspectos dentro do SEO on-page que não o texto em si, porém hoje nós vamos focar na construção do texto que rankeia.

Escrevendo um texto que rankeia

A primeira coisa que você precisa fazer é ter uma ideia geral do conteúdo que você quer escrever e precisa definir um tema.

O tema que você vai transformar em conteúdo relevante faz sentido para o seu público? Você sabe sobre o que está escrevendo ou ainda está inseguro?

Você já fez todas as pesquisas necessárias? Se sim, você está pronto para conhecer os dois aspectos essenciais na hora de escrever um texto que rankeia:

  • todo texto para a internet deve conter mais de 300 palavras;
  • todo conteúdo de blog precisa ter um título.

Agora, você está pronto para prosseguir e escolher a sua palavra-chave.

A importância da palavra-chave

Certo, você definiu o tema e vai começar a escrever? Não mesmo, antes de tudo, você precisa definir qual vai ser a palavra-chave do seu conteúdo.

Sem ela, e sem usá-la da maneira correta, você vai estar apenas desperdiçando a sua redação.

A palavra-chave é uma palavra ou um termo que vai definir o tema do seu texto e ajudar os buscadores a classificar o seu texto na hora de mostrá-lo para um usuário.

Por exemplo, digamos que você escreveu um conteúdo com a palavra-chave “livro de fantasia nacional“.

Se um usuário fizer uma pesquisa por “lista de livros nacionais de fantasia” e os buscadores acharem que o seu site pode ter a resposta para essa pesquisa, os algoritmos vão dar um match entre os dois.

De uma maneira simplificada, é assim que a palavra-chave funciona e, por isso, ela é tão importante.

Para que os buscadores reconheçam a palavra-chave no seu conteúdo, você precisa usá-la diversas vezes durante o texto.

Porém, não use demais o termo, senão o seu site pode ser penalizado por tentar burlar o sistema.

Uma dica para medir corretamente o uso das palavras-chave é escreve-la no texto a cada 300 palavras. Outra dica importante é procurar usar sinônimos da palavra durante o texto.

Os buscadores estão evoluindo a cada dia e hoje, eles já conseguem entender sinônimos de palavras-chave.

Uso de intertítulos

Mais uma dica para que o seu texto seja considerado de boa legibilidade pelos buscadores é o uso de intertítulos.

Eles servem como uma separação do conteúdo, quando você termina um assunto para começar outro (exatamente como eu estou fazendo neste texto aqui).

O essencial de você entender é que os intertítulos são hierárquicos. Você deve sempre trazer assuntos de igual ou menor importância usando eles.

Vamos continuar usando o exemplo do seu texto sobre literatura de fantasia nacional.

Digamos que você tem alguns assuntos a tratar nesse conteúdo: vai explicar rapidamente o panorama da literatura de fantasia brasileira e depois vai dar dicas dos principais títulos para o leitor.

Como hierarquizar essa informação nos intertítulos? Assim:

Pode parecer algo complexo, mas a verdade é que o uso de intertítulos é bastante intuitivo. E vale lembrar que é legal sempre ter um intertítulo a cada 300 palavras.

Assim, o seu texto vai ficar ainda mais gostoso de ler.

O tamanho das frases

Essa é uma dica que funciona tanto para a escrita para a internet quanto para a escrita em livros, contos, etc. Procure sempre ter frases curtas e diretas, que tenham até 20 palavras.

Frases curtas fazem o leitor gostar do que estar lendo, entrar no ritmo da sua escrita e não esquecer do que leu no início da frase.

Porém, tome cuidado para esta observação não estragar o ritmo da sua escrita!

Essa não é uma regra pedindo para você matar toda e qualquer oração subordinada, mas pede para você prestar atenção nas frases longas em excesso.

Uma dica é você escrever da maneira que quiser e depois revisar se algumas das frases não poderiam se tornar duas (ou até, 3) outras frases.

As palavras de transição

Outra dica bastante importante é o uso de palavras de transição. As palavras de transição ajudam o leitor a passar pelo seu texto sem sentir que ele está lendo algo chato e longo demais.

Elas servem exatamente como uma transição entre uma frase e outra, dando ligação aos conceitos que você apresenta.

Dificilmente, você vai conseguir lembrar de todas as palavras de transição de cor, por isso você pode consultar uma lista pronta.

Neste artigo, os autores deram uma boa explicação sobre palavras de transição e uma lista das que se encaixam melhor para um texto que rankeia nas buscas.

Usar imagens no texto

E por último, aqui vai a dica final: use imagens para ilustrar o seu conteúdo sempre que puder. Além de as imagens servirem como um respiro entre o texto, elas ainda podem ajudar o seu conteúdo a rankear melhor.

Você já se perguntou como o Google Imagens organiza as fotos que mostra quando você faz uma busca?

É por duas maneiras: a primeira é o nome da imagem, o segundo é o contexto da imagem e o terceiro é o texto alternativo dessa imagem.

Vamos voltar ao exemplo da lista de livros de fantasia nacional. Digamos que você subiu uma imagem de um autor de fantasia brasileiro com seu livro nas mãos para ilustrar um trecho do conteúdo.

Para ajudar seu texto a rankear, o ideal é que essa imagem tenha sido subida para o site com um nome que contenha a palavra-chave e que não contenha símbolos especiais ou acentos nas palavras.

Uma vez dentro do seu site, a imagem precisa estar em contexto. Não adianta colocar uma foto da Sarah J. Mass quando você está falando de fantasia nacional.

E por último, sempre preencha o campo de texto alternativo da imagem com uma frase que fale sobre a imagem.

Dentro do exemplo que estamos usando, seria algo assim: autor “fulano de tal” segurando seu livro “título tal”.

E claro, além de tudo isso, o ser humano é um animal bastante visual. Ainda mais agora que somos bombardeados de informação o tempo todo e muitos de nós têm preguiça de ler.

Por isso, espalhar imagens pelo seu texto vai fazer diferença.

Em conclusão…

Escrever um texto para a internet é uma maneira bastante diferente de escrever.

Têm suas regras, e algumas delas podem ser bem chatinhas, mas tudo se paga ao final, pois seguir direitinho essa estratégia de marketing literário significa trazer mais visitantes para o seu site e, consequentemente, mais leitores para as suas histórias.

Se você ficou com alguma dúvida sobre como escrever um texto que rankeia nos buscadores, não hesite em deixar um comentário!

Além disso, aproveite para se inscrever na newsletter para não perder nenhum conteúdo!

Leia também:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.